domingo, 18 de abril de 2010

Musicos seculares em CD gospel.


Outro dia estava em um site de musicas e li sobre um cantor evangélico que ao gravar seu novo cd, contratou alguns músicos seculares para fazer parte do seu novo trabalho.O mais interessante é que essa pratica tem sido comum no meio evangélico, pois cada vez mais tem se apelado para músicos que não são evangélicos para gravar musicas gospel.


Ao ser perguntado sobre isso o cantor disse que o seu objetivo foi alcançado pois quando estavam gravando, um dos músicos ficou impressionado com as letras de alguns de seus louvores.
O salmo de numero 1 diz: ”Bem aventurado o homem que não anda segundo o conselho dos ímpios, nem se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores”.Para gravar um CD é necessário isso, está em contato com outras pessoas que nesse caso não eram todas evangélicas.


Esta musica é santificada?


Talvez ao concordarem em participar de uma gravação de musica gospel, músicos seculares aceitem apenas pelo dinheiro ou por curiosidade, porém existem muitos músicos que teem certa afinidade pela musica gospel que é com certeza a musica que mais abrange todos os ritmos musicais e por esse motivo faz dos nossos músicos pessoas tão completas musicalmente.

A obra de Deus precisa de ajuda do mundo?


Há algum tempo atrás se essa pergunta fosse feita nas igrejas a resposta seria “não”.Porem nós temos visto cada vez mais o povo evangélico sendo abençoado pelos não cristãos no radio na, TV e na internet e as pessoas já percebem a necessidade desta interação.
Na verdade o que ouvi do CD foram musicas com letras inspiradas onde em uma delas o compositor faz uma critica pois quando era criança queria cantar um samba pra Deus, mas a igreja o condenava e agora ele já sendo adulto pode expressar o seu canto da forma que ele sabe.
Ao ver um vídeo evangélico no Youtube o que mais vemos são criticas a determinados ritmos, de evangélicos contra evangélicos, de cristãos contra não cristão, ou seja é uma confusão de entendimentos sobre como deve ser feito o louvor a Deus.
Jesus disse “Aquele que não é contra mim é por mim”.Diante desses versículos qual a sua opnião?
Esse tipo de relacionamento ajuda a obra de Deus ou atrapalha?Já ouvi falar “Hoje em dia Deus não opera nas vidas das pessoas como antes, pois o povo tem se misturado com o povo do mundo”, ou então “O reino de Deus não precisa de ajuda do mundo”.

O espaço está aberto, deixe seu ponto de vista.

6 comentários:

milerfreitas 18 de abril de 2010 17:12  

Cadê o gadget de seguidores????

Anônimo,  11 de junho de 2010 09:42  

Olha... desde que um CD ou DVD é gravado é para fins comerciais. Como não convem crentes adquirir CDs de musica secular compram os de musica gospel. A participação de musicos evangelicos ou não isso não tem nada haver. Os CDs e DVDs são vendidos e não distribuidos gratuitamente. Se for pra pregar a palavra então tem que seguir ao pé da letra: DAI DE GRAÇA O QUE DE GRAÇA RECEBESTES.

Danilo Fernandes 25 de junho de 2010 22:56  

Ola Edimar!


Graça e Paz!

Vim conhecer seu espaço digital. Bom posts! A internet é um espaço precioso onde podemos falar de Jesus e discutir diferentes pontos de vista!

Aproveitando, faço uma apresentação do meu blog:

Genizah é um blog cristão diferente. Hilário e divertido, mas que não dispensa a seriedade na defesa do Evangelho. Uma mistura bem balanceada de humor, denuncia e artigos devocionais. No Genizah, você fica sabendo da última novidade do absurdário "gospel", mas também não falta material para inspiração e ótimas mensagens dos melhores pregadores. Genizah é um blog não denominacional apologético, com um time é formado por escritores, pastores, humoristas e chargistas cristãos.

Aguardo sua visita. Vamos nos seguir!

Abraços em Cristo e Paz!

Danilo Fernandes

http://www.genizah.com.br

Anônimo,  19 de agosto de 2010 11:18  

Olá, estava pesquisando sobre missões e cliquei no seu blog, vou vasculhar mais nele ok?!
Sobre o assunto que você postou, o meu esposo, tocava e cantava "na noite", e um pastor o chamou pra tocar na igreja, isso mesmo, nos cultos da igreja, só tocar é claro, pois ele não sabia hino algum, mas ele aceitou o convite do pastor, e começou a tocar na igreja, mesmo ímpio. Talvez pra vc e para alguns tenha sido um absurdo, até eu pensaria "duas vezes" é claro. Mas o importante de tudo isso é... hoje ele é um servo do Senhor, que ama a Obra de Deus. Muitas coisas podem parecer absurdas para nós crentes, mas devemos nos perguntar primeiramente a vontade de Deus. Deus sabe de todas as coisas.

omundoegospel 20 de agosto de 2010 02:20  

Concordo com você que para Deus não há nada impossível pois ele salvou o seu esposo de uma forma muito diferente do comum, mas nesse caso o seu pastor fez um convite sem interesses financeiros, ele só queria que o seu esposo abençoasse a sua igreja e o seu marido fosse salvo e assim Deus o fez. Se um musico secular for convidado para gravar ou tocar no meio evangélico a primeira coisa que tem que estar dentro de nós é que ali há uma alma que pode ser salva. Deus abençoe você e o seu esposo!!!

Followers

About Me

Minha foto
Casado,pai,músico,estudante, resumindo: FELIZ

Text

UBE_K1

  ©Template by Dicas Blogger.